Últimas
quarta-feira, 21 de fevereiro de 2018

Professores estaduais entram em greve por tempo indeterminado em RO.

Professores da capital e do interior do estado se reuniram na sede do Sintero em Porto Velho. Sindicato não soube informar quantas escolas foram afetadas.



ários professores estaduais de Rondônia deflagraram greve por tempo indeterminado, nesta quarta-feira (21), em várias escolas de Rondônia. De acordo com a presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação no Estado de Rondônia (Sintero), Leonilda Simões, a principal reivindicação da categoria é a valorização salarial dos professores.

Durante a manhã, boa parte dos profissionais da capital e do interior se concentraram na sede do sindicato, em Porto Velho, para debater o assunto.

Conforme Leonilda, antes que a greve ser deflagrada o Sintero esteve em reunião com a Secretária Estadual e Educação (Seduc), porém até o último encontro, realizado em janeiro, nenhum acordo havia sido fechado.

"A nossa principal pauta é a questão da valorização do trabalhador de educação. Lógico que junto a isso temos uma série de situações, como, por exemplo, a questão da relotação que está acontecendo com a Seduc. Isto está gerando uma insatisfação junto à categoria. Temos a progressão parcial e tem uma série de fatores, mas sendo que principalmente é a valorização salarial", explica a presidente.

Leonilda Simão presidente do SIntero (Foto: Hosana Morais/G1) Leonilda Simão presidente do SIntero (Foto: Hosana Morais/G1)
Leonilda Simão presidente do SIntero (Foto: Hosana Morais/G1)
Sobre o tempo que os professores vão permanecer em greve, Leonilda afirma que vai depender das negociações que serão realizadas com a Seduc ao longo dos dias.

O Sintero, até a publicação desta reportagem, ainda não havia divulgado a quantidade de professores que aderiram ao movimento grevista e nem quantos alunos foram afetados.

"No momento ainda estamos construindo o movimento, mas ainda não temos esses índices para passar, afinal somos 11 regionais. Creio eu que daqui três dias teremos um percentual. Tudo será decidido em assembleia, para que não prejudique os estudantes", informou Leonilda.

Professores se concentraram no sindicato em Porto Velho (Foto: Hosana Morais/G1) Professores se concentraram no sindicato em Porto Velho (Foto: Hosana Morais/G1)
Professores se concentraram no sindicato em Porto Velho (Foto: Hosana Morais/G1)
A Seduc informou ao G1 que fez uma reunião com o sindicato e a principal reivindicação é o reajuste salarial e o estado está analisando o caso. A secretaria não soube informar se a adesão da greve foi total, mas informou que os alunos não serão prejudicados e, e em caso de necessidade, o calendário será reajustado.

Porto Velho
Fonte-G1/RO
  • Blogger Comments
  • Facebook Comments

0 comentários:

Postar um comentário

Item Reviewed: Professores estaduais entram em greve por tempo indeterminado em RO. Rating: 5 Reviewed By: Radio PrincesaWeb