Últimas
segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

Marido flagra suposta traição, espanca mulher e mata jovem que tentou defendê-la


Um homem de 57 anos, Edson Somosa Lopes, foi preso na noite de domingo (25) após matar a golpes de foice e machado um jovem, identificado apenas como David, que tentou defender a mulher do suspeito enquanto ela era agredida com socos e pontapés. O caso aconteceu na Avenida Estevão Correia, Bairro Próspero, em Guajará-Mirim. A briga do casal teria sido causada porque o marido teria flagrado a esposa o traindo com o dono do imóvel, Pedro Florêncio Gomes. A mulher nega a traição. O dono do imóvel teria ajudado a matar a vítima e está foragido.

De acordo com o boletim de ocorrência, a polícia recebeu a informação do homicídio e seguiu para o local. Os policiais encontraram a vítima caída com vários cortes na cabeça, corpo e um dos braços decepado em frente da residência.

Segundo relatado no boletim de ocorrência, a mulher de 39 anos, esposa de Edson, e o dono da casa Pedro Florêncio Gomes e a vítima, David, estavam ingerindo bebida alcoólica no local do crime, quando Edson convidou sua esposa para ir embora, mas ela recusou o convite e ficou na casa com os amigos. Horas depois, Edson teria retornado a residência e flagrou a esposa o traindo com Pedro, o dono da residência.

Ao ser flagrado, Pedro então teria dito “pode levar essa vagabunda”, e enciumado, Edson desferiu socos e tapas na mulher. David ao ver a mulher sendo agredida, resolveu ajudá-la, mas acabou sendo atacada pelo marido enciumado e também pelo suposto amante da mulher, o dono do imóvel. As armas utilizadas no crime teriam sido levadas por Edson depois de ver a esposa o traindo e ficaram no local.

Já a mulher teria dito que quando o marido retornou a residência, flagrou Pedro tentando agarrá-la e começou a agredi-la. Como David a tentou defender, o marido teria entregado uma das armas para o dono do imóvel e executaram a vítima,

Após colher informações de testemunhas no local do crime, os policiais localizaram Edson em sua residência no Bairro Jardim das Esmeraldas. A roupa suja de sangue também foi encontrada. Ele foi preso, prestou depoimento e foi encaminhado para a Casa de Detenção. Já Pedro está foragido.

Conforme a Polícia Civil, Edson vai responder por homicídio qualificado e por violência doméstica, pela Lei Maria da Penha.

Fonte: Rondoniagora
  • Blogger Comments
  • Facebook Comments

0 comentários:

Postar um comentário

Item Reviewed: Marido flagra suposta traição, espanca mulher e mata jovem que tentou defendê-la Rating: 5 Reviewed By: Portal Princesa Web