Com dados ruins no 1º trimestre, analistas veem possível queda no PIB


Atividade de econômica ainda não se recuperou com força; dados apontam possibilidade de nova queda — Foto: Celso Tavares/G1
Números da indústria, do comércio e dos serviços apontam fraqueza da atividade; se a previsão se confirmar, pode ser o primeiro recuo trimestral da economia desde 2016.

Dados fracos sobre o desempenho da indústria, do comércio e dos serviços nos primeiros três meses do ano apontam que o resultado do Produto Interno Bruto (PIB) do primeiro trimestre pode vir negativo. Essa possibilidade de encolhimento da economia é prevista por alguns analistas, e é observada também pelo Banco Central.

Nesta terça-feira (14), o Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom) divulgou a ata de sua última reunião, em que avaliou que existe "probabilidade relevante" de que o PIB tenha registrado um "ligeiro" recuo no primeiro trimestre de 2019. Se isso se confirmar, pode ser a primeira vez que a economia 'encolhe' desde 2016.

Os dados oficiais sobre o desempenho do PIB serão divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia Estatística (IBGE) no próximo dia 30. Mas os resultados dos principais componentes do PIB já são conhecidos:

O setor de serviços teve queda nos três primeiros meses de 2019;
A indústria caiu em janeiro e teve leve alta em fevereiro, até registrar no mês seguinte o pior resultado em seis meses;
As vendas do varejo subiram no acumulado dos três meses, mas sem avanço expressivo.

Fonte G1.com

Postar um comentário

0 Comentários