Os óbitos por coronavírus chegaram a 44% dos municípios de Rondônia nesta sexta-feira (12). Já são 23 cidades com registros de pacientes mortos com a doença. Os dados são da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau).

Ao todo, o estado tem 296 mortes pela Covid-19. Desde março, quando aconteceu o primeiro óbito no estado, o maior registro de óbitos em um único dia ocorreu na quinta-feira (11): foram 26 pacientes mortos pelo vírus em 24 horas, incluindo um bebê recém-nascido.

Porto Velho é a cidade com mais mortes pelo coronavírus. Até esta sexta-feira, a cidade contabilizava 215 vítimas da doença ( o que corresponde a 72,63% dos óbitos registrados no estado). Guajará-Mirim aparece em segundo lugar no trágico ranking, com 30 óbitos.

Ainda segundo a Sesau, os homens correspondem a 64,5% das vítimas do coronavírus em Rondônia; já as mulheres compõem 35,5% dos óbitos.

Os dados também indicam que quase 25% dos 296 mortos tinham entre 70 e 79 anos. Outras 20% das vítimas tinham de 60 a 69 anos.

'Tempos difíceis', diz irmão de uma das vítimas da Covid-19 em Rondônia
Abaixo, veja as cidades com mais óbitos pela Covid-19 em RO:
Porto Velho – 215
Guajará-Mirim – 30
Ariquemes – 8
Ji-Paraná – 7
Nova Mamoré – 3
Candeias do Jamari – 6
São Miguel do Guaporé – 4
Alto Paraíso – 2
Buritis – 2
Cerejeiras – 2
Espigão do Oeste – 2
Rolim de Moura – 2
Alto Alegre dos Parecis – 1
Alvorada do Oeste – 1
Cacoal – 2
Campo Novo – 1
Cujubim – 1
Machadinho D' Oeste - 1
Mirante da Serra – 1
Ouro Preto do Oeste – 2
Pimenta Bueno - 1
São Francisco do Guaporé – 1
Vilhena – 2



Casos de coronavírus em 98% de Rondônia
Nesta semana o G1 mostrou que os casos de coronavírus já chegaram a 98% dos território rondoniense. Das 52 cidades, Parecis é a única sem registro de caso positivo para Covid-19.

A capital Porto Velho segue disparada no número de infectados. Dos mais de 11 mil casos no estado, 7.094 são apenas na capital.

Para tentar conter o avanço da Covid-19 no interior, cidades menores chegaram a impor lockdown aos moradores, como Castanheiras, com cerca de 3,6 mil habitantes. São Miguel do Guaporé também foi outra cidade a adotar o isolamento social mais rígido.

A capital Porto Velho e Candeias do Jamari, desde a semana passada, estão no isolamento restritivo decretado pelo governo estadual. O comércio considerado de 'serviço não essencial' foi obrigado a ficar fechado. O decreto deve terminar apenas no domingo (14). A medida visa conter o crescimento no número de casos e óbitos por Covid-19.
Fonte - G1/RO

Postar um comentário

0 Comentários