Secretário de Saúde visita barreira sanitária na terra indígena Rio Branco


A terra indígena Rio Branco, que fica aproximadamente 80 km de Alta Floresta, está com uma barreira sanitária funcionando com o objetivo de controlar o fluxo de indígenas e pessoas que precisam entrar ou sair das aldeias. Desde que foi montada, a barreira sanitária conta com três funcionários da SESAI (Secretaria de Saúde Indígena), além de indígenas, que reforçam a fiscalização para combater o Coronavírus.


Nesta sexta-feira (17), o secretário municipal adjunto de saúde do município de Alta Floresta, juntamente com alguns técnicos de saúde, estiveram visitando a barreira, na referida área indígena, para apoiar as atividades da mesma e passar algumas orientações. O secretário comentou:

 ''É importante que os indígenas só saiam das aldeias por extrema necessidade, se realmente precisar vim para a cidade, que venha apenas uma pessoa por família, isso vai evitar que mais outros indígenas sejam expostos, correndo o risco de contrair o vírus, levando o mesmo para dentro da aldeia''. 

O secretário ainda disse que essas medidas são de suma importância, pois até o momento, nenhum caso foi registrado neste território indígena.







Fonte  SEMSAU

Postar um comentário

0 Comentários