Últimas

6/recent/ticker-posts

Conheça o perfil dos possíveis candidatos a prefeito das eleições 2020 em Alta Floresta


Com as convenções partidárias realizadas, ficou definido os possíveis candidatos à prefeito no município, onde os mesmos tem prazo até dia 26 para realizar o registro de candidaturas. O primeiro a realizar a convenção foi o PT – Partido dos Trabalhadores.

A sigla manteve a pré-candidatura a prefeito anunciada em julho pelo Diretório Municipal. O partido segue com o professor Ademar Dias Guimarães, um dos pioneiros da cidade. Ademar, além de professor atuou como sindicalista e foi um grande ativista pelo MPA – Movimento dos Pequenos Agricultores – na luta por crédito rural pela classe, tem um profundo conhecimento pela agricultura, pois era agricultor antes de se formar professor. O vice deve ser Victor Fernandes Pereira Filho, o Vitinho, que teria aceitado o convite.

A DC (Democracia Cristã) – partido que anteriormente se chamava Partido Social Democrata Cristão (PSDC) – também anunciou que vai disputar a cadeira do Executivo Municipal. O partido lançou como pré-candidato, o Paulo do Cartório, formado em Direito e atua no Cartório de Registro no município já há 25 anos. A legenda anunciou que vai com a chapa “puro sangue”, tendo como vice, Vanderley Raasch, agricultou, morador antigo no município.

Durante convenção realizada nesta terça-feira (15), o DEM confirmou a pré-candidatura do vereador Álvaro Marcelo Bueno a prefeito. Álvaro é advogado, também formado na área de administração e atualmente acumula o quarto mandato como vereador pelo município e o que se cogita, deve disputar o pleito eleitoral, levando o ex-prefeito Valdoir Gomes do PDT, conhecido como Vantuil do Posto, como seu vice, que já foi duas vezes prefeito no município.

O Podemos – partido que realizou sua convenção na quarta-feira (16), já adiantou que tem nome próprio para disputar o cargo de prefeito. Pelo partido, foi anunciado como pré-candidato, o ex-secretário de agricultura do município, Giovan Damo, formado em Agronomia, Gil como é conhecido, também tem um grande conhecimento pela agricultura no município. O Podemos deve disputar com chapa “puro sangue” a prefeitura de Alta Floresta, tendo como vice, o vereador Robson Ugolini, que é formado em Educação Física. Os nomes também foram aprovados na convenção.

Partidos como MDB, PP e PSDB que vinham figurando nomes para disputar o cargo de prefeito, não avançaram em suas pretensões.

O cenário atual mostra que em caso de não haver desistência de nenhum dos pre-candidatos, teremos um pleito eleitoral muito disputado, onde não há favoritismo, mas independente de quem chegar lá, os perfio  mostra que capacidade e conhecimento de todos os pré-candidatos não faltam, basta querer fazer uma administração séria, comprometida com a sociedade, pois o próximo prefeito terá de ter, provavelmente uma máquina pública enxuta o máximo que puder, pois o que parece é que o fator econômico visto em um futuro próximo não deve ser muito favorável às administrações públicas, principalmente de municípios que tem arrecadação pequena, como Alta Floresta, com uma imensa área territorial, onde aproximadamente quase 3 mil km de estradas é um desafio para qualquer prefeito que assume o mandato neste município. Outra questão são dívidas, os chamados precatórios, que vem de administrações passadas e que terão que ser quitadas no próximo mandato, segundo informações, essas dívidas passam de 3 milhões e 500 mil reais.

Fonte -  Portal Princesa Web



 


Postar um comentário

0 Comentários