Últimas

6/recent/ticker-posts

Trágico acidente na BR 364 em Vilhena, duas vitimas homem e mulher são de Alta Floresta do Oeste


 O acidente envolvendo uma picape e um caminhão, que deixou um homem e uma mulher mortos na BR 364, a cerca de 55 km de Vilhena, próximo ao local conhecido como Três correções em relação às primeiras informações veiculadas: a caminhonete envolvida no acidente fatal era uma Ford Ranger, e não uma Amarok; as duas mulheres que sobreviveram à colisão entre os veículos estão conscientes, e não em estado grave; a batida aconteceu por volta das 23:00h de ontem (segunda-feira, 21) , e não na madrugada de hoje.


O site confirmou os nomes dos dois mortos: Eldo Ferreira, de 43 anos, que dirigia a caminhonete, e Cleidimar Pivatelli, de 32. Ambos seriam moradores de Alta Floresta do Oeste, na região da Zona da Mata de Rondônia. As sobreviventes são Sara Miler Campos, de 35 anos, e Deidis Pivatelli, 29. De acordo com Bombeiros ouvidos pelo site, as duas foram projetadas para fora do carro em que viajavam. Sara sofreu ferimentos leves e Deidis está sendo operada no Hospital Regional de Vilhena, para onde os corpos e os lesionados foram trazidos.


Já o motorista do caminhão câmara fria Ford Cargo, que estava vazio, é um rapaz de 25 anos, identificado como Matheus Rodrigues Ramos. O estado dele é grave. O carona, Vandir da Rocha, 39, que viajava no mesmo caminhão, teve escoriações leves.


Conforme as informações preliminares, o veículo de carga, com placas de Morrinhos (GO), vinha em direção a Vilhena, e a caminhonete, com placas de Alta Floresta do Oeste, trafegava sentido àquela cidade. A colisão foi frontal, mas ainda não há informações sobre o que teria provocado a fatalidade.


O Folha do Sul Online acessou o perfil das vítimas nas redes sociais e, aparentemente, os amigos ainda não sabem do ocorrido, já que não há qualquer postagem comentando a tragédia. Supostamente, uma das sobreviventes era casada com o motorista morto, mas a informação não foi confirmada oficialmente.


O site segue na apuração dos fatos e traz novas informações a qualquer momento.

Fonte- Folha do Sul Online

Postar um comentário

0 Comentários