Últimas

6/recent/ticker-posts

Duas crianças são salvas através do socorro prestado por policiais militares em Rolim de Moura

 



Os dois fatos que envolvem o engasgamento de crianças ocorreram neste mês de maio. Através da ação, mesmo que a distância, por meio de ligação no telefone de emergência da Polícia Militar, duas crianças puderam ser salvas graças à calma e prestatividade de dois nobres heróis.

Em ambos os casos, as ligações ocorreram de forma equivocada, tendo em vista que os contatos buscavam o atendimento de emergência do Corpo de Bombeiros Militar, que por sinal atendem constantemente pedidos de socorros semelhantes a estes.

 

Um dos fatos ocorreu no dia 19 de maio em uma residência, localizada na Rua Urupá, Bairro Boa Esperança, ocasião em que a avó da pequena Laura Beatriz, de apenas 02 anos de idade pensando que estaria ligando para o atendimento de emergência do Corpo de Bombeiros acabou mantendo contato com o telefone de emergência (190) da Polícia Militar.

Do outro lado da linha a Avó foi atendida pela Sargento PM Marinalva. Desesperada, a Avó Viviane pedia por socorro, pois a sua neta estava engasgada com uma bala e não conseguia respirar.

Imediatamente o Corpo de Bombeiros foi acionado a comparecer ao local, e enquanto isso, a Policial Militar com muita tranquilidade e profissionalismo continuou, através da ligação passando instruções de como proceder. A Avó e a mãe da criança seguindo as orientações da militar conseguiram com que a criança expelisse o objeto e voltasse a respirar.

Uma equipe do Corpo de Bombeiros foi até o local e constatou que a criança já se encontrava bem, respirando normalmente.

“É a melhor sensação que um profissional pode ter, a de dever cumprido. Ainda mais quando se trata de salvar a vida de uma criança inocente”, destacou Marinalva Hellmann, Sargento da Polícia Militar, lotada no 10º Batalhão em Rolim de Moura.

Dois dias antes (17 de maio) ocorreu um fato idêntico. O Cabo da Polícia Militar Renilson, que desempenhava a função de telefonista, atendeu uma mãe desesperada com seu filho, uma criança de apenas 03 anos, engasgado possivelmente com um amendoim.

O militar com muita calma conseguiu também primeiramente tranquilizar a mãe, mesmo diante de um tenso momento, e ela seguindo suas orientações conseguiu com que seu filho expelisse o objeto.

“Durante o serviço recebi uma ligação via 190 de uma mãe muito desesperada que disse: Moço! Poderia me passar o número do Corpo de Bombeiros? Respondi sim, é 193, e perguntei qual era a situação, foi quando a mãe em choro disse: meu filho está engasgado, me ajude a salvar ele. Foi quando, por telefone mesmo fui passando os procedimentos, mesmo a mãe desesperada e em prantos, com minhas orientações conseguimos salvar seu filho”.

“Eu não tenho filho, mas sei o quanto é desesperador uma mãe ver seu filho sem reação, então dou graças a Deus por usar de mim para ter intercedido em salvar uma vida. A sensação que tenho é de dever cumprido e gratidão”, frisou o Cabo PM Renilson, também lotado no 10º Batalhão de Polícia Militar em Rolim de Moura.

“Atitudes como essas, enaltecem o nome da corporação transmitindo a população sentimentos de consideração, confiança e segurança”, destacou um Policial Militar, coordenador do serviço, em uma das ocasiões.

O que fazer quando um bebê engasga?

Clique AQUI e confira os procedimentos.

 

 

Fonte: Alerta Rolim

Postar um comentário

0 Comentários