Últimas

6/recent/ticker-posts

MAIS UM: rapaz de 24 anos cai no “Golpe da Novinha”, envia nudes e perde R$ 11 mil em cidade de MT

 Esse tipo de estelionato também já fez vítima em Cerejeiras



Trocar fotos íntimas em aplicativos de mensagens virou um campo muito fértil para estelionatários. Nos últimos meses, homens casados e solteiros procuraram a Delegacia de Polícia de Juína, cidade de Mato Grosso a 240 km de Vilhena, para relatar que foram vítimas do “golpe dos nudes”.


Apesar de reportagens já serem divulgadas, os homens não resistem as cantadas e as fotos das supostas garotas e caem no golpe. Como os golpistas passam a extorqui-los e ameaça-los, eles acabam procurando a polícia.


Foi o caso de um homem, de 24 anos, que procurou a delegacia em Juína, e registrou um boletim de ocorrências dessa natureza. Ele disse que começou a conversar com uma garota numa rede social.


Durante o bate-papo, a suposta moça geralmente muito bonita enviou ao homem fotos completamente nua e logo em seguida entrou na conversa uma pessoa que se passou por comissário da polícia da delegacia da criança e do adolescente do Rio Grande Do Sul e que o ameaçou a denunciar caso ele não fizesse uma transferência de 8 mil reais via PIX.


O rapaz que trabalha em serviço braçal com receio de ser denunciado e ter suas fotos expostas acabou efetuando outros depósitos que totalizaram 11 mil reais.


Não satisfeita, a suposta garota e a pessoa que se passava por policial queria mais dinheiro e ligava ao rapaz com frequência, e por último pediram mais 20 mil reais foi quando ele decidiu levar ao conhecimento da autoridade policial.


O delegado titular da delegacia de Juína doutor Marco Bortolotto Remuzzi recomenda que as pessoas não caiam nesse golpe de mandar fotos íntimas na internet.


Conforme Remuzzi, possuir fotos nua de menores de idade guardar ou armazenar em seu aparelho celular constitui crime.


A polícia civil informou ainda que geralmente o dinheiro é depositado em conta de uma terceira pessoa normalmente ‘laranja’ o que acaba dificultando que os valores sejam devolvidos.


Fonte: Juína News


Postar um comentário

0 Comentários