Últimas

6/recent/ticker-posts

Marido, acusado de torturar a esposa por quase 20 anos é preso pela equipe da Polícia Civil da DEAM em Rolim de Moura

 

Um arma de fogo e farta quantidade de munições foram apreendidas.


Equipe de policiais civis da Delegacia Especializada no Atendimento a Mulher – DEAM em Rolim de Moura/RO, realizou na manhã desta segunda-feira (18) mais um cumprimento de mandado de prisão preventiva, desta vez em desfavor de J. P. A, que segundo informações é suspeito de torturar física e psicologicamente a própria esposa por quase 20 anos.


Segundo informações colhidas pela equipe de reportagem, baseada em ocorrência policial, o suspeito J. P. A, agredia fisicamente a esposa por diversas vezes ao longo dos anos, causando-lhe lesões corporais, mantendo-a às vezes em cárcere privado, mediante graves ameaças e atos equivalentes ao de tortura.


Em algumas das situações o suspeito chegou inclusive a obriga-la a dormir nua, num quarto trancado, com o ar condicionado acionado a baixíssima temperatura.


Já em outra ocasião, o suspeito teria coagido a vítima a ingerir uma grande quantidade de comida e água, por ter queimado o alimento, durante a sua preparação.


Além disso, o suspeito impunha a sua esposa o medo constante de ser punida, caso o descontentasse de alguma forma, seja nos afazeres domésticos ou em outro eventual comportamento, que no entendimento doentio do infrator, deveria ser perfeito.


O infrator mantinha a esposa longe do convívio de pessoas, sejam vizinhos, familiares ou conhecidos.


Por conseguinte, após a constatação dos índicos do crime, a Polícia Civil do Estado de Rondônia, por meio da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher, representou pela prisão preventiva e pela busca e apreensão em desfavor do suspeito, sendo que após, a expedição do mandado pertinente, deu o respectivo cumprimento.


Assim sendo, o suspeito foi preso para que as investigações prosseguissem, de forma que as testemunhas pudessem colaborar com a justiça, preservando-se assim a integridade física e psíquica destas.


Segundo informações, a Equipe da DEAM, durante as buscas realizadas na residência do investigado, localizou um rifle e farta quantia de munições, em que pese o mesmo deter autorização para tanto. Sendo todo o material apreendido e apresentado à autoridade competente, Delegado Fabio Moura.


Por fim, a Polícia Civil orienta a toda população, que caso alguém venha a ter conhecimento de situações como a acima, não se intimidem em denunciar tais casos pelos canais pertinentes, ressaltando ainda, que a identidade do denunciante será mantida no mais absoluto sigilo.


Números para denúncias:


197 – Polícia Civil de Rondônia


180 – Central de Atendimento a Mulher


3442-9037 – Delegacia de Atendimento a Mulher de Rolim de Moura


3442-1411 – UNISP Rolim de Moura


190 – Polícia Militar

Fonte: Assessoria.

Postar um comentário

0 Comentários