Últimas

6/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

Alt da Imagem

DER realiza tapa-buracos e roçagem na RO 383 entre Alta Floresta d’Oeste e Santa Luzia d’Oeste

 Manutenção acontece nos 25 quilômetros de extensão da via entre os dois municípios


A equipe da 4ª Usina de Asfalto de Concreto Betuminoso Usinado a Quente (CBUQ), do Departamento Estadual de Estradas de Rodagem e Transportes – DER, de Rolim de Moura, realiza serviços de tapa-buracos e roçagem às margens da Rodovia 383, entre os municípios de Alta Floresta d’Oeste e Santa Luzia d’Oeste.

Segundo o diretor-geral do DER, Eder André Fernandes, a RO 383 é uma importante via da região da Zona da Mata que interliga os municípios de Alta Floresta d’Oeste, Santa Luzia d’Oeste, Alto Alegre dos Parecis e Rolim de Moura. “As fortes chuvas que caíram durante o inverno amazônico, ocasionaram, diversos buracos e borrachudos nas estradas pavimentadas. As equipes das seis usinas de asfalto do DER, intensificaram os trabalhos de manutenção nos mais de 1.500 quilômetros de rodovias pavimentadas de responsabilidade do Governo de Rondônia”, explicou.

O gerente da Usina de Asfalto, Thiago Moreira, pontua que os serviços de remendos superficiais (tapa-buracos), estão sendo realizados nos 25 quilômetros de extensão da via, entre os dois municípios.  “Além do tapa-buracos, outra equipe segue realizando os trabalhos de roçagem mecanizada às margens da rodovia”, concluiu.

A roçagem da vegetação às margens das rodovias tem a finalidade de melhorar a visibilidade dos usuários da via, evitando acidentes, proporcionado maior segurança.

Para a moradora Maria de Lurdes, o Governo de Rondônia e o DER estão de parabéns pelo trabalho executado. “A manutenção do asfalto evitará prejuízos e acidentes, já a roçagem, além da estrada ficar mais bonita, podemos ver de longe se tem algum animal na lateral (margem) da via”, disse.

DER realiza tapa-buracos e roçagem na RO 383 entre Alta Floresta d’Oeste e Santa Luzia d’Oeste

Roçagem mecanizada garante visibilidade aos motoristas

Fonte: Assessoria

Postar um comentário

0 Comentários