Últimas

6/recent/ticker-posts

Após tiroteio durante torneio de sinuca, comerciante mata homem de 30 anos com várias facadas em Chupinguaia

 Um homem de 30 anos, identificado como Cristhiano Gomes Cabral, foi assassinado a tiro e facadas na noite de ontem, em Chupinguaia, num estabelecimento conhecido como “Bar do Cabeça”, que fica próximo à prefeitura da “Capital do Boi”.



O FOLHA DO SUL ON LINE entrevistou, na Unisp de Vilhena, policiais militares da guarnição que veio à cidade para registrar a ocorrência, e eles contaram o que tinham ouvido de testemunhas.

Segundo os presentes num torneio de sinuca que estava acontecendo no bar, cujo dono é João Batista da Silva, de 60 anos, conhecido como “Cabeça”, ele e Cristhiano tiveram um desentendimento durante a competição.

 

Após a discussão, Cristhiano saiu do local, foi em casa e voltou armado com um revólver. Já sabendo que o oponente retornaria para matá-lo, João Batista também se armou com uma faca e uma espingarda.


Quando Cabral chegou e disparou os tiros contra ele, Cabeça, que foi atingido, reagiu e também puxou o gatilho da espingarda.

Ferido na região do pescoço e do rosto, Cristhiano correu em direção ao pátio da prefeitura, mas foi seguido pelo comerciante, que o atingiu com várias facadas, matando-o na hora.

A Polícia Militar foi acionada e mobilizou a Funerária São Mateus, de Vilhena, que recolheu o corpo.

João Batista, que recebeu os primeiros-socorros ainda em Chupinguaia, foi trazido para o Hospital Regional de Vilhena, onde passará por cirurgia. Não foi informada a quantidade de tiros que o comerciante levou.

Fonte: Folha do Sul


Postar um comentário

0 Comentários